Talline Sapatilhas
Uncategorized

O Consumismo Mirim!

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×

Como você ensina seu filho a ser consumidor?
Preste atenção CONSUMIDOR! E não CONSUMISTA!

Aqui em casa a Fernandinha ainda é muita pequenina, mas desde já fazemos questão de ensinar e mostrar pra ela que existe o necessário e o supérfluo.

Brinquedos

Aqui os brinquedos são apenas os necessários, brinquedos que incentivam o desenvolvimento, um CD no carro e DVD em casa. Nada de brinquedos espalhados que ela nem usa, nada de brinquedos além do que é necessário.
Para ser sincera 90% dos brinquedos ela ganhou!
E evitamos que a mocinha vá a lugares aonde a exposição de brinquedos é enorme, assim podemos escolher!
Claro, que vai chegar a hora em que ela vai escolher algo, mas ai entra a prudência dos pais: Com moderação nada faz mal.
Aqui um problema é o balão de shopping, ela ama e pede insistentemente por um toda vez que vê!
CLaro que já ganhou, mas foram 2! Das outras vezes eu negociei, troquei o balão por um livro ou então simplesmente não dei e a distrai com outra coisa! Fácil não é mas a gente tenta!

Prometo fazer um post falando sobre brinquedos para cada faixa etária, isso ajuda muito a decidir o que comprar!

Roupas
Gentem, convenhamos que roupa de baby e de criança se perde muito rápido, sapato então… piscou e o pé cresceu!

Quando a Fefe nasceu ela ganhou muitas roupas, compramos bem pouquinha coisa e as roupas duraram muito tempo, mas agora somos nós quem compramos e como ela já brinca no chão, corre, faz bagunça, se suja a roupa tem que ser de qualidade para não rasgar facil.
Eu adooooro a Hering Kids, roupas de qualidade com preço camarada, mas aqui tem CeA, tem Renner, tem Tip Top, tem de tudoooooo…
O guarda roupa da criança deve ter roupas versáteis, e nada em excesso pq não vão ser usadas por muito tempo.
Os sapatos aqui é assim: Um tenis confortavel, chinelos hawaianas (pra brincar na agua sem escorregar tem que ser este, os outros todos não evitam tombos), Crocs e uma ou duas sapatilhas para sair.
Volto a afirmar, vai perder rapido, o crescimento é em velocidade 5 hahahaha!

Comida
È ai que o bicho pega.
Aqui, eu e o marido adoramos besteiras e acabamos gastanodo muito no supermercado mas eu tento ao maximo manter as refeições da Fernanda controladas e saudaveis.
Não sou a mãe neurótica e mega correta que só dá alimentos orgânicos e nada de industrializados (eu até queria ser viu).
A mocinha já pede aquilo que gosta de comer…
E nós apenas controlamos

Ensinamos a comer legumes e verduras e ela já pede por eles e pelas frutas que gosta.
Outro dia passou horas pedindo morango e tivemos que sair e comprar.
Isso a gente incentiva e deixa ela comer a vontade, maaaaaaaas tem o outro lado da moeda: A mocinha ama um sorvetinho, a mamãe aqui faz sorvetinho em casa! E assim acontece com outras coisas, vamos trocando, negociando e está sendo sucesso!
Sei que com o tempo isso vai ser mais dificil, mas acredito que não preciso criar alguém que tem tudo que quer, na hora que quer e sim alguém que tem o que precisa!

Um dica para as mamães dos maiorzinhos é seguir uma dieta certinha, assim não se compra nada que não se pode comer.
Tb para a mamãe dos maiorzinhos a dica é a mesada, a criança compra com o seu proprio dinheirinho e assim aprende a dar valor!

Temos que nos virar nos 30 mas no final vale a pena!

Beijo, beijO

Sobre o Autor

Geisa Simonini

Uma escorpiana geniosa, brava e determinada. Estudei Administração e Marketing e sempre atuei na área comercial e de eventos. Tenho uma cabecinha cheia de idéias e adoro trabalhar com pessoas, afinal para mim, tudo que a vazio de pessoas não faz muito sentido. Sou doidinha por redes sociais e ligada 24 horas por dia, sabe aquela pessoa que não pára? Essa sou eu!
Mas se for para me resumir mesmo: Sou a mãe da Fernanda (e da Camille que ainda está no forninho) e da função de mãe nasceu esse blog onde compartilho com vocês nossas histórias, dia-a-dia e aprendizados

1 Comentário

Clique aqui para postar um comentário

Publicidade

Parceiros

Siga-nos no Instagram

Voltar ao topo