A MinhaLigthbox é um produto feito com exclusividade que vai deixar seu ambiente ainda mais perfeito!!
Cuidados Gravidez Parto

Benefícios da bola de pilates na gestação e trabalho de parto

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×

Junto com a gestação chegam também as dores nas costas, principalmente na área lombar. Por aqui elas vieram com tudo e chegam a tirar o sono, mas eu tenho tido uma aliada, que pretendo carregar comigo até na hora do trabalho de parto: A Bola de Pilates.

Postei outro dia no Instagram que a Bola de Pilates tem me ajudado e choveu perguntas sobre como uso e no que ela ajuda, então, resolvi vir aqui escrever para vocês.

A bola de ginástica pode ajudar bastante a aliviar as dores na coluna e também na hora da dilatação.

Separei algumas informações e quero compartilhar com vocês.

Muita gente não sabe mas existe a bola de pilates correta para cada estatura!

  • Se você tiver até 1,60m de altura: bola de 55cm de diâmetro.
  • Entre 1,60m e 1,73m: bola com 65cm de diâmetro.
  • Mais de 1,73m de altura: bola com 75cm.

Compre uma bola específica para grávidas ou uma com proteção anti-estouro e que suporte mais de 11o kg e por fim encha apenas 70 a 75% da capacidade da bola.

(Eu encho mais que isso mas espero para usar no dia seguinte pois ela perde um pouco do ar)

Quanto mais firme a bola mais difícil é se estabilizar em cima dela, por isso é melhor que não esteja totalmente cheia.

Agora vamos lá?

Na Gestação

Sente na bola com o apoio de alguém ou de uma cadeira/sofá. Afaste os pés cerca de 50 a 60 cm um do outro e lembre-se de manter sua coluna ereta.

Só de sentar assim a região do assoalho pélvico já estará sendo beneficiada e tendo seus músculos fortalecidos o que é ótimo durante a gestação e ajudará no trabalho de parto. A posição tambem aliviará dor nas costas e deixará o bebê em uma posição mais confortável. Viu só, como só de sentar já vale a pena?

Quando você estiver se sentindo segura sentada pode fazer exercícios leves!

  • Balance o quadril devagar de um lado pro outro ou faça movimentos circulares. Os movimentos circulares são os que mais me aliviam as dores e é o que eu chamo de rebolar. Faça 10 repetições para um lado e depois 10 para o outro.
  • Faça um simbolo do infinito com o quadril (um 8), movimentando devagar. (Cuidado para não se desequilibrar! Vale a pena fazer pela primeira vez apoiada)
  • Sente-se com cuidado na bola, coloque ambas as mãos por baixo da barriga para oferecer suporte e quique com movimentos delicados para cima e para baixo. Descanse após 10 repetições ou menos (se conseguir pode fazer 20, mas eu não consigo).

No Trabalho de Parto

Se puder leve a bola com você para durante o trabalho de parto. Ela pode ajudar e muito. Juro que se eu lembrar a minha irá comigo!

  • Sentar, rebolar ou os movimentos em forma de oito durante as contrações pode ajudar a aliviar as dores.
  • Ajoelhe-se no chão (pode apoiar os joelhos em uma almofada), abrace a bola contra o peito e jogue o corpo para frente apoiando os ombros e peito na bola, isso vai relaxar a lombar e até a barriga.
  • Dizem que a posição de sentar na bola também ajuda na dilatação.

No Pós parto

Após o parto os mesmos exercícios que você fazia na gestação auxiliam a região pélvica a voltar ao normal. Peça autorização ao seu médico para começar a fazer os exercícios.

Por aqui a bola de pilates tem sido uma aliada incrível, espero que ajude por aí também.

Sobre o Autor

Geisa Simonini

Uma escorpiana geniosa, brava e determinada. Estudei Administração e Marketing e sempre atuei na área comercial e de eventos. Tenho uma cabecinha cheia de idéias e adoro trabalhar com pessoas, afinal para mim, tudo que a vazio de pessoas não faz muito sentido. Sou doidinha por redes sociais e ligada 24 horas por dia, sabe aquela pessoa que não pára? Essa sou eu!
Mas se for para me resumir mesmo: Sou a mãe da Fernanda (e da Camille que ainda está no forninho) e da função de mãe nasceu esse blog onde compartilho com vocês nossas histórias, dia-a-dia e aprendizados

Publicidade

Parceiros

Voltar ao topo