A MinhaLigthbox é um produto feito com exclusividade que vai deixar seu ambiente ainda mais perfeito!!
Bebês e Crianças Desenvolvimento Enxoval

Tapetes para crianças

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×
Existem 3 tipos mais comuns de tapetes para os pequenos.
Resolvi fazer um comparativo entre os 3 para ajudar as mamães de primeira viagem, que assim como eu, acabam se empolgando e nem sempre fazem a melhor escolha!
 
Bora lá?

Quais os modelos de tapetes?

Os tapetes se dividem em: Tecido, EVA e PVC.

Tapetes de tecido.

O primeiro tipo são o tapetes de tecido e que funcionam como Ginásio de Atividades.

 

 
Eu mega apoio o uso deles, mas infelizmente, eles acabam não sendo muito utilizados e o custo x benefício acaba saindo um pouco caro!
O custo deles é intermediário, variando de acordo com a marca e com a quantidade de “brinquedinhos” que eles tem.
Servem para evitar o contato com o chão, mas principalmente para estimular os menorzinhos, com brinquedos desenhados especialmente para esta função, porém, são pequenos e acabam se perdendo assim que o baby começa a tentar engatinhar.
 
Usamos bastante o nosso (igual ao da foto acima) que foi doado para as sobrinhas quando a Fernanda parou de usar!
 

Tapetes de E.V.A

O segundo tipo mais utilizado de tapetes, são as placas de E.V.A que na minha opinião mais nos estressam do que ajudam.
 
 
Ele é o mais barato dos 3 modelos e de acordo com suas espessuras tem o preço variável (os mais grossos são mais caros e existem uns bem baratinhos que são mais finos).
Eles também servem para evitar o contato da criança com o chão e de certa forma amortecem melhor possível quedas, pois são mais grossos que os de tecido.
Um ponto que para muitos é positivo, é o fato deles serem desmontáveis, mas eu odiei essa parte! A Fernanda começou a desmontar as peças e virava a maior bagunça.
(alguns modelos, inclusive, tem peças tão pequenas que podem acabar indo parar na boca das crianças).
O tamanho varia e pode ser montado como quiser (justamente por vir em placas).

Tapete de PVC

O tapete infantil de PVC, na minha opinião é o melhor, apesar de ser o mais caro entre os três modelos, porém, dos três é o que pode ser utilizados por mais tempo.

 

 
Para mim também são os mais fáceis de limpar, só um pano úmidos resolve!
Eles também amortecem impactos e evitam o contato com o chão,
Existem vários modelos, tamanhos e estampas no mercado e vale apena pesquisar bem, pois os preços variam bastante.

 

Juro que queria achar um com desenho mais neutro (ou fofo) para a nova fase do quarto da Fernanda! 

Resumidamente é isso! É esta é minha opinião sobre os três tipos de tapetes mais comuns, e claro, pode ser que alguma mamãe discorde e prefira um ou outro, então, por favor, caso queiram acrescentar algo, sintam-se a vontade para comentarem!

Sobre o Autor

Geisa Simonini

Uma escorpiana geniosa, brava e determinada. Estudei Administração e Marketing e sempre atuei na área comercial e de eventos. Tenho uma cabecinha cheia de idéias e adoro trabalhar com pessoas, afinal para mim, tudo que a vazio de pessoas não faz muito sentido. Sou doidinha por redes sociais e ligada 24 horas por dia, sabe aquela pessoa que não pára? Essa sou eu!
Mas se for para me resumir mesmo: Sou a mãe da Fernanda (e da Camille que ainda está no forninho) e da função de mãe nasceu esse blog onde compartilho com vocês nossas histórias, dia-a-dia e aprendizados

Publicidade

Parceiros

Voltar ao topo