Uncategorized

Na Mira da Copa – México

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×

México é uma república constitucional federal localizada na América do Norte. O país é limitado a norte pelos Estados Unidos; ao sul e oeste pelo Oceano Pacífico; a sudeste pela Guatemala, Belize e Mar do Caribe; a leste pelo Golfo do México. Com um território que abrange quase 2 milhões de quilômetros quadrados, o México é o quinto maior país das Américas por área total e o 14º maior país independente do mundo. O México é uma federação composta por trinta e um estados e um distrito federal (Distrito Federal). O México figura também como o segundo país mais populoso e rico da América Latina, em ambos os casos superado apenas pelo Brasil.

1) Dados Principais

– Area: 1.972.547 km²
– Capital: Cidade do México
– Moeda: peso mexicano
– Nome Oficial: Estados Unidos Mexicanos
– Data Nacional: 5 de fevereiro (Dia da Constituição); 16 de setembro (Independência); 20 de novembro (aniversário da Revolução)
– Idiomas: espanhol (oficial), línguas regionais (principal: náhuatl)
– Religião: cristianismo 95,9% (católicos 88,3%, outros 11,1% – dupla filiação 3,5%); agnosticismo e ateísmo 2,7%; outras 1,4%


2) História e Principais Características da Bandeira

A bandeira foi adotada em 16 de setembro de 1968 e suas cores adotadas logo após o processo de independência da Espanha. A bandeira do México é composta por três faixas verticais de mesmo tamanho. A faixa verde fica no canto esquerdo, a branca no centro e a vermelha no direito. No centro da bandeira, na faixa branca, está localizado o brasão de armas do México. Até 1821 as cores possuíam os seguintes significados: a cor branca possuía um simbolismo religioso, pois representava a fé católica; a cor verde simbolizava a independência da Espanha conquistada em 16 de setembro de 1810 e a cor vermelha simbolizava a união entre europeus e indígenas. Após 1821, e até hoje, as cores passaram a ter outros simbolismos: branca a esperança; verde a unidade e vermelha o sangue dos heróis nacionais.


3) População

O México é o mais populoso país de língua espanhola do mundo e o segundo mais populoso país da América Latina, depois do Brasil. O povo mexicano foi formado, basicamente, pela presença de elementos indígenas e espanhóis. Durante todo o século XIX, a população do México, mal tinha dobrado. Esta tendência continuou durante as primeiras duas décadas do século XX, e ainda assim, no censo de 1920 se registrou uma perda de 2 milhões de habitantes. Isso foi devido à Revolução Mexicana, ocorrida entre 1910 e 1920. A taxa de crescimento aumentou drasticamente entre 1930 e 1980, quando o país chegou a registrar índices de crescimento maiores que 3% (1950-1980). A população mexicana dobrou em trinta anos, e a esse ritmo se esperava que para o ano 2000 houvesse 120 milhões de mexicanos. Diante dessa situação, o governo federal criou o Conselho Nacional de População (CONAPO), com a missão de estabelecer políticas de controle de natalidade e realizar investigações sobre a população do país. As medidas valeram, e a taxa de crescimento desceu até 1,6 no período de 1995 a 2000. A expectativa de vida passou de 36 anos a 72 anos em 2000. O México é etnicamente diverso e a constituição define o país como uma nação multicultural, porém o governo mexicano não realiza censos raciais, não sendo possível auferir a contribuição de cada origem na população mexicana. Mas, segundo uma pesquisa de opinião realizada em 2011 pela organização chilena Latinobarómetro, 52% dos mexicanos se disseram mestiços, 19% indígenas, 6% brancos, 2% mulatos e 3% “outra raça”.


4) Principais Cidades

Cidade do México, Guadalajara, Netzahualcóyotl, Puebla de Zaragoza, Monterrey, León, Juárez, Acapulco, Mérida, San Luis Potosi, Ciudad Victoria


5) Principais Pontos Turísticos

O México é um país que possui uma grande quantidade de pontos turísticos e culturais. Em função de seu rico passado e da boa fase de desenvolvimento econômico, podemos encontrar em seu território, locais que atendem ao gosto de vários tipos de turistas. São diversos museus, parques, monumentos, pirâmides antigas, cidades antigas, prédios históricos e muito mais. Citamos abaixo três dos principais pontos turísticos e culturais do México em nossa opinião:

– Chichén Itzá
Chichén Itzá é uma cidade arqueológica maia localizada no estado mexicano de Iucatã que funcionou como centro político e econômico da civilização maia. As várias estruturas – a pirâmide de Kukulkán, o Templo de Chac Mool, a Praça das Mil Colunas, e o Campo de Jogos dos Prisioneiros – podem ainda hoje ser admiradas e são demonstrativas de um extraordinário compromisso para com a composição e espaço arquitetônico. O nome Chichén-Itzá tem raiz maia e significa “pessoas que vivem na beira da água”. Estima-se que Chichén-Itzá foi fundada por volta dos anos 435 e 455a.C. Foi declarada Património Mundial da Unesco em 1988.

– Catedral Metropolitana
A Catedral Metropolitana da Cidade do México é uma das mais antigas catedrais católicas romanas do continente americano. É a sede episcopal da Arquidiocese do México e, portanto, a catedral primacial do país. Foi construída sobre os escombros de um templo asteca adjacente ao Templo Mayor, no lado norte da Praça da Constituição (ou Zócalo, como também é chamada), no centro da Cidade do México. A Catedral foi construída em vários períodos de 1573 a 1813 a partir do primeiro templo cristão erguido no local por ordem de Hernán Cortés logo após a conquista de Tenochtitlán. O arquiteto espanhol Claudio de Arciniega foi o responsável pelas primeiras obras no local, tomando como inspiração as catedrais góticas da Espanha. Com o passar dos anos, a Catedral da Cidade do México foi ampliada e reformada ganhando o aspecto monumental que lhe traz notoriedade.

– Teotihuacan
Teotihuacan foi um centro urbano da Mesoamérica pré-colombiana localizada na Bacia do México, 48 quilômetros a nordeste da atual Cidade do México, e que hoje é conhecida como o local de muitas das pirâmides mesoamericanas mais arquitetonicamente significativas construídas na América pré-colombiana. Além dos edifícios piramidais, Teotihuacan também é antropologicamente significativa por seus complexos residenciais multi-familiares, pela Avenida dos Mortos e por seus vibrantes murais que foram excepcionalmente bem preservados. Além disso, Teotihuacan exportou um chamado estilo de cerâmica e ferramentas de obsidiana finas que conquistaram grande prestígio e utilização generalizada em toda a Mesoamérica.


6) Alguns fatos curiosos

– A Cidade do México está afundando 20 cm por ano e esse fato preocupa o governo, pois isso torna a capital mexicana muito sujeita a enchentes;
– O símbolo no centro da bandeira mexicana mostra uma águia comendo uma cobra sobre um cacto;
– A Universidade Autônoma do México (UNAM) é a mais antiga da América latina: foi fundada em 1551;
– Apesar da língua oficial ser o espanhol, são faladas 62 línguas indígenas no México, já que a maior parte da população mexicana tem antepassados indígenas (mais da metade é mestiça);
– As abelhas maias são originárias o México e têm a particularidade de não possuirem ferrão. Na floresta existem imensas que se alojam nos troncos das árvores;
– A “Basílica da Nossa Senhora de Guadalupe” é o Santuário Católico mais visitado do mundo, com 15 milhões de peregrinos ao ano;
– Os primeiros povos a cultivar o tomate no mundo foram os Incas e os Astecas no ano de 700 A.C.;
– Os mexicanos têm o hábito de colocar pimenta em todos os pratos, inclusive em muitos doces e frutas;
– O chocolate é originário do México e América Central. Seu nome vem de tchocoatl, um líquido escuro feito com cacau pelos astecas. As sementes do cacau eram usadas como moeda pelos astecas, com cem sementes se comprava uma escrava;
– Conhecida no mundo todo, a tequila é um destilado feito a partír do sumo de uma planta chamada “agave tequilana” ou mescal;
– Os mexicanos comemoram o Dia da Criança (Dia del Niño) em 30 de abril;
– Uma das celebrações mais populares do México é o Dia dos Mortos, em 2 de novembro. Ao contrário dos brasileiros, que lembram os mortos com flores, missas e procissões, os mexicanos fazem uma verdadeira festa. As festividades começam em outubro e seguem até a primeira semana de novembro. Os mexicanos oferecem água, flores, velas, guloseimas e todos os bons frutos obtidos durante a ausência do morto. É uma data em que os vivos se aproximam dos mortos e vice-versa. Os túmulos são sempre limpos e decorados com coras de flores. Vendem-se muitos produtos alusivos à morte, quase todos em forma de caveira. As crianças adoram os crânios de açucar. O Dia dos Mortos é de riso e diversão. Dois dos ditados mais populares relativos à data são: “Ao morto o poço e ao vivo o gozo” e “Ao morto a sepultura e ao vivo a travessura”;
– A culinária mexicana é uma das mais diversificadas do mundo. Nasceu na mistura do europeu com o ameríndio, apesar de boa parte de seus pratos serem de origem pré-colombiana. As “delicias” mexicanas mais conhecidas são o taco, o burrito, o nacho, a tortilla e o chili;
– Grande parte das novelas importadas pelo SBT foram produzidas pela emissora mexicana Televisa (a Globo de lá). As novelas da Televisa que fizeram mais sucesso no Brasil foram Carrossel, Luz Clarita, Maria do Bairro, Rebelde, Marimar, Chispita, A Feia Mais Bela, O Diário de Daniela e a cult Os Ricos Também Choram. Os seriados Chaves e Chapolim também foram produzidos pela Televisa.


7) Receita Delícia para a Mamãe: Guacamole

Para quem nunca provou, a guacamole pode parecer uma receita estranha. Porém, a culinária brasileira é uma das poucas onde prevalece o preparo de abacate com açúcar. Esta receita mexicana é uma ótima pedida para quebrar esta tradição.

Ingredientes:
– 1 unidade de abacate
– 2 dentes de alho amassados
– 2 unidades de tomate picados, sem peles, sem sementes
– 1/2 unidade de cebola picada
– coentro picado a gosto
– cebolinha verde picada a gosto
– pimenta malagueta a gosto
– 4 colheres de sopa de suco de limão
– sal a gosto

Como fazer:
Amasse o abacate, misture os demais ingredientes. Sirva com salgadinhos de pacote ou torradinhas.


8) Como se diz…?

– Amor: Amor
– Família: Familia
– Mamãe: Mamá
– Papai: Papá
– Bebê: Bebé
– Filhos: Niños


9) Imagens

Em familia

Paisagem

Wallpaper para personalizar

Fontes:
http://cybercook.com.br
http://www.suapesquisa.com
http://pt.wikipedia.org
https://translate.google.com.br
http://pt.shvoong.com/
http://vivazapata.blog.br
http://hq-oboi.ru
http://www.flickr.com
http://www.visitemexico.com.mx







Sobre o Autor

Geisa Simonini

Uma escorpiana geniosa, brava e determinada. Estudei Administração e Marketing e sempre atuei na área comercial e de eventos. Tenho uma cabecinha cheia de idéias e adoro trabalhar com pessoas, afinal para mim, tudo que a vazio de pessoas não faz muito sentido. Sou doidinha por redes sociais e ligada 24 horas por dia, sabe aquela pessoa que não pára? Essa sou eu!
Mas se for para me resumir mesmo: Sou a mãe da Fernanda (e da Camille que ainda está no forninho) e da função de mãe nasceu esse blog onde compartilho com vocês nossas histórias, dia-a-dia e aprendizados

Publicidade

Parceiros

Siga-nos no Instagram

Voltar ao topo