Uncategorized

Na Mira da Copa – Itália

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×

Itália é uma república parlamentar unitária localizada no centro-sul da Europa (Europa meridional). Ao norte, faz fronteira com França, Suíça, Áustria e Eslovênia ao longo dos Alpes. Ao sul, que consiste na totalidade da península Itálica, Sicília, Sardenha, as duas maiores ilhas no Mar Mediterrâneo, e muitas outras ilhas menores ficam no entorno do território italiano. Os Estados independentes de San Marino e do Vaticano são enclaves no interior de Itália, enquanto Campione d’Italia é um enclave italiano na Suíça.

1) Dados Principais

– Area: 301.302 km²
– Capital: Roma
– Moeda: Euro
– Nome Oficial: República Italiana (Repubblica Italiana)
– Data Nacional: 25 de abril (Dia da Libertação)
– Idiomas: italiano (oficial), dialetos italianos, alemão, rético, francês, grego, albanês, sardo
– Religião: cristianismo 83,2% (católicos), sem filiação e outras 16,8%


2) História e Principais Características da Bandeira

A bandeira da Itália foi adotada oficialmente em 1 de janeiro de 1948. A bandeira é composta por três faixas verticais nas cores verde, branca e vermelha. Estas três cores da bandeira moderna (atual) italiana possuem os seguintes significados: o verde simboliza a liberdade, o branco a igualdade e a cor vermelha a fraternidade. Desta forma, podemos notar que ela é inspirada na bandeira francesa e na Revolução Francesa, que teve como lema “Liberdade, Igualdade e Fraternidade”. A origem da bandeira italiana é um estandarte, nestas três cores, que Napoleão entregou a um corpo de voluntários da região Lombarda em novembro de 1796. Estes voluntários ganharam este estantarde após a incorporação ao exército francês.


3) População

Em janeiro de 2009, a população italiana passou de 60 milhões, a quarta maior da União Europeia, e a 23ª maior do mundo. Depois da Segunda Guerra Mundial, a Itália passou por um grande crescimento econômico que levou a população rural a mover-se para as cidades, e ao mesmo tempo passou de uma nação caracterizada por massiva emigração a um país receptor de imigrantes. A alta fertilidade persistiu até a década de 1970, e depois passou para abaixo da taxa de reposição como em 2007, um em cada cinco italianos é aposentado. Apesar disso, graças principalmente a imigração das décadas de 80 e 90, nos anos 2000 a Itália viu um acréscimo populacional natural pela primeira vez em anos. Cerca de 95% da população italiana tem origem na península. Os italianos são descendentes de uma grande quantidade de povos que se estabeleceram na península Itálica durante os séculos. Os italianos são uma mistura de povos que já viviam na região, incluindo os povos latinos (a Oeste), os sabinos (no vale superior do Tibre), os úmbrios (no centro), os samnitas (no Sul), oscanos, entre outros, como os etruscos que se estabeleceram no centro do país, os gregos no Sul e os celtas no Norte. Posteriormente, estabeleceram-se no Norte povos germânicos (ostrogodos, visigodos, lombardos) e, no Sul, os sarracenos (de origem árabe) e os normandos (de origem escandinava). Esses últimos deixaram uma menor influência na etnia italiana.


4) Principais Cidades

Roma, Milão, Nápoles, Turim, Palermo, Gênova, Veneza,  Florença , Verona, Bolonha, Cagliari , Bari, Parma, Udine,  Módena , Livorno


5) Principais Pontos Turísticos

A Itália é um destino que encanta turistas com suas belas paisagens, sua riqueza histórica e cultural e, claro, sua deliciosa gastronomia. Por conta disso muitos italianos optam por não ir para o estrangeiro nas suas férias. Citamos abaixo três dos principais pontos turísticos e culturais da Itália em nossa opinião:

– Torre de Pisa
A torre pendente de Pisa é um campanário localizado atrás da catedral da cidade italiana de Pisa. Embora destinada a ficar na vertical, a torre começou a inclinar-se para o sudeste logo após o início da construção, em 1173, devido a uma fundação mal construída e a um solo de fundação mal compactado, que permitiu à fundação ficar com assentamentos diferenciais. A torre é composta de mármore branco e sua construção foi realizada em três fases ao longo de 177 anos. Sua fase inicial deu-se entre 1173 – 1178, sendo que sua construção foi paralisada por quase um século, pois os pisanos estavam em constante batalha com Genova, Lucca e Florença. Sua retomada foi em 1272 onde o arquiteto responsável tentou sem sucesso compensar a inclinação da torre. Em 1284 a construção foi novamente interrompida devido à derrota dos pisanos pelos genoveses na Batalha de Meloria. Por fim, o sétimo andar foi concluído em 1319 e a sino-câmara foi adicionada apenas em 1372. A torre possui sete sinos, um para cada nota musical. O maior deles foi instalado em 1655.

– Basílica de São Pedro
A Basílica de São Pedro está localizada no Estado do Vaticano, Roma. Cobre uma área de 2,3 hectares capaz de abrigar mais de 60 mil devotos. A Basílica que se situa na Praça de São Pedro, recebeu contribuição durante a sua construção de alguns dos maiores artistas da história da humanidade, tais como Michelangelo e Rafael. Sendo que que uma das obras de maior destaque na Basílica é a Pietà de Michelangelo. Foi provado que sob o altar da Basílica está enterrado São Pedro, um dos doze apóstolos de Jesus e o primeiro Papa. Apesar de existir um templo dedicado a São Pedro desde antes, foi em abril de 1506 que iniciou a construção da Basílica que foi concluída em novembro de 1626.

– Coliseu
Grande anfiteatro romano da Antiguidade, que também já serviu como forte. Tinha capacidade para até 70 mil espectadores que se distribuíam de acordo com sua classe social, para assistirem a jogos e lutas, as quais inevitavelmente acabavam em sangue (animal e humano). Foi também local de martírio para os cristãos. O famoso Coliseu de Roma, também conhecido como Anfiteatro Flaviano, era o local de exibição de uma série de espetáculos, como os combates entre gladiadores. Nele ocorria também a caça de animais, como leões, leopardos e panteras, além de rinocerontes, hipopótamos, elefantes, girafas, crocodilos e avestruzes.


6) Alguns fatos curiosos

– A palavra “tchau” é usada na Itália quando você se despede e também quando encontra alguém. Neste último caso é equivalente ao nosso “oi” e “Olá”;
– Os italianos gostam de fazer refeições na rua. E um dos lanches favoritos é a pizza, que em muitas cidades italianas é comida de forma dobrada;
– Os italianos adoram comer massas e são os inventores de muitas delas como, por exemplo, lasanha, rondeli, canelone, nhoque e capeletti;
– Um dos queijos mais consumidos na Itália pé a mozarela. A verdadeira, feita na Itália, usa como base o leite de búfala;
– As bicicletas e lambretas são meios de transportes muito usados pelos italianos, principalmente das grandes cidades;
– O povo italiano é considerado um dos mais comunicativos do mundo. Adoram conversar, principalmente em voz alta, e também usam muitos gestos manuais para transmitir informações;
– O território da Itália possui o formato de uma bota, chutando a ilha da Sicília;
– O esporte preferido dos italianos é o futebol, chamado por eles de cálcio;
– É possível pegar ônibus noturno, no qual se dorme em Bolonha, e ao acordar se está em Paris;
– Em um ponto entre a França e a Itália, há um túnel tão extenso que o motorista permanece aproximadamente trinta minutos dentro da montanha;
– Jovens da classe média têm o costume de beber cerveja em praça pública e de tomar banho de sol nos parques, durante o verão.


7) Receita Delícia para a Mamãe: Bruschetta a Caponata

A bruschetta é um dos antepastos mais deliciosos e tradicionais da Itália. A caponata é um prato típico da Sicília, que consiste em beringela salteada num refogado de tomate e cebola em azeite, temperado com alcaparras, vinagre e açúcar. Pode ainda levar pinhões, aipo e, principalmente em Palermo, peixe ou mariscos. A união destas duas receitas vai supreender você!

Ingredientes:
– 6 fatia(s) de pão italiano filão
– 1 dente(s) de alho
– azeite a gosto
– 1 unidade(s) de berinjela pequena(s)
– 1 unidade(s) de pimentão vermelho em cubos médios
– 1 unidade(s) de abobrinha em cubos médios
– 1 unidade(s) de cebola
– sal a gosto
– pimenta-do-reino branca a gosto
– 1 colher de chá de orégano

Como fazer:
– Caponata
Aqueça um fio de azeite em uma panela e refogue a cebola cortada em cubos médios. Sem deixar a cebola dourar, acrescente a beringela cortada no mesmo tamanho dos outros legumes. Acrescente a abobrinha e continue mexendo. Quando a berinjela e a aborinha começarem a amolecer, acrescente o pimentão vermelhoe continue mexendo. Quando estiver cozido, mas ainda firme, desligue o fogo. Coloque o orégano, corrija o sal, a pimenta e reserve.

– Bruschetta
Prepare as fatias de pão, uma de cada vez: aqueça uma frigideira com um fio de azeite e “frite” um dos lados da fatia de pão, em fogo baixo, até que fique dourada. Retire da frigideira e, na superfície tostada, esfregue rapidamente o dente de alho. Feito isso em todas as fatias, cobri-las com a caponata reservada.


8) Como se diz…?

– Amor: Amore
– Família: Famiglia
– Mamãe: Mamma
– Papai: Papá
– Bebê: Bambino
– Filhos: Bambini


9) Imagens

Em familia

Paisagem

Wallpaper para personalizar

Fontes:
http://cybercook.com.br
http://www.suapesquisa.com
http://pt.wikipedia.org
https://translate.google.com.br
http://vidaeestilo.terra.com.br
http://www.soitaliano.com.br
http://parofess.blogspot.com
http://upload.wikimedia.org
http://blog.cancaonova.com
http://victortrotamundo.wordpress.com
http://blog.lineup.net.br
http://fotos.araguaiahoteis.com.br
http://parlandoditalia.blogspot.com







Sobre o Autor

Geisa Simonini

Uma escorpiana geniosa, brava e determinada. Estudei Administração e Marketing e sempre atuei na área comercial e de eventos. Tenho uma cabecinha cheia de idéias e adoro trabalhar com pessoas, afinal para mim, tudo que a vazio de pessoas não faz muito sentido. Sou doidinha por redes sociais e ligada 24 horas por dia, sabe aquela pessoa que não pára? Essa sou eu!
Mas se for para me resumir mesmo: Sou a mãe da Fernanda (e da Camille que ainda está no forninho) e da função de mãe nasceu esse blog onde compartilho com vocês nossas histórias, dia-a-dia e aprendizados

Publicidade

Parceiros

Siga-nos no Instagram

Voltar ao topo