Uncategorized

Vivendo a Fernanda

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×

Eu escrevi bem mais aqui quando estava grávida né?
Hoje a correria entre casa, faculdade, trabalhinhos e a própria Fernanda é tão cansativa e grande que acabei deixando o blog pra depois.
Vamos lá contar um pouquinho do que eu sinto, penso, aprendo graças a esta princesa que chegou pra mudar a minha vida por completo…



Hoje vivo pela Fernanda, para a Fernanda e movida por ela.

Existem váárias coisas que não havia me contado sobre ser mãe, e algumas outras que até falaram mas que só descobri a intensidade vivendo na pratica.

Já fazem quase 6 meses que a Fernanda nasceu, parece que foi ontem mas ao mesmo tempo passou tão rápido, já vivi tantos momentos… e é tudo incrível.
Neste meio tempo, a Fernanda chorou muitooo e eu aprendi a decifrar cada choro, se é fome, se é frio, se é fraldinha suja…
Os choros dela são um pouco meus… a minha filha é muito dramática e desde pequenina já é dona de uma personalidade fortissima. Nunca chora mas quando chora meu bem, respira fundo pq aí vem bronca… ela grita, esperneia, fica toda suada, soluça, engasga… birra pura.
Mas ela sorriu muito e cada risinho é perfeito… aprendeu a gargalhar e nao tem como ficar triste diante da alegria que ela trás.



Eu descobri que não vamos ser donos das ordens não, pq não adianta tentar fazer a moça dormir no berço… ela resolveu que quer o lugar do pai dela na nossa cama, é só encostar no berço que o mais profundo dos sonos acaba. O Pediatra mandou deixar chorar, mas desculpa ai, não temos coraçao pra isso e vamos nos virando como dá… entre sofá recheado de papai ou então sandwiche de Fefe na nossa cama.
E o berço? Fica servindo de chiqueirinho durante o dia hehehe.


Eu sempre ouvi falar que quando engravida a mulher engorda e demora anos pra voltar ao corpo, mas nunca ninguem me disse que eu poderia ficar mais magra do que já era… Perdi muitos kilinhos em poucos meses e estou mais magrela do que nunca, mas por favor não venham me falar pra parar de amamentar, isso não passa pela minha cabeça.
Amamentar é pra mim um gesto de amor, eu adoro quando somos só eu e ela, juntinhas nu momento que ela nunca vai ter co ninguém além de mim. Se eu puder a Fernanda vai mamar até 1 aninho no minimo mesmo que eu fique invisivel de tão magra.

Voltando a falar das vontades próprias da pequena ela tem uma caso de amor e ódio com a chupeta…
Chupeta boa pra ela é o bico do seio da mamae aqui… essa ela suga, suga, chupeta, brinca de mamar por horas e noites inteiras… Já a coleçao de chupetas dela servem de mordedor… nao fica sem mas só morde e morde e morde.

A Fernandinha aprendeu a comer e aprendeu que curte coisas doces, uma frutinha e ela faz a festa… come e come muuuuuuuuuuuuito bem… mas tente dar legumes pra ela a comida sai voando de aviãozinho, kkkkk
É uma delicia ver a pequena descobrindo as coisas, aprendeu a comer, a tocar no copo e a fazer sinais com a boquinha quando quer algo que a gente esta comendo… esperta que só ela.

Fez sua primeira viagem no começo deste ano, dormiu a viagem toda, nao reclamou, nao estranhou e nos levou a crer que esse negocio de ser cheio de frescuras com o bebe só dificultaria nossas vidas, a Fe dorme no barulho, fica na multidão e acha o maximooo estar juntinho de nós em tudo.

A pequena já fica sentadinha e é capaz de interagir até com aquilo que nós não esperamos…
Brinca, faz festa com tudo. Adora seus brinquedinhos e acha que o mais legal é jogar cada um deles beeeeeem longe pro papai ou a mamae irem buscar. E a gente vai, vai rindo e cheio de orgulho.

Cada dia com a Fernanda é uma descoberta pra nós tb…
A gente aprende a ser pai e mãe na prática e adora até as coisas mais dificeis… Sabe até quando é difcil se torna facil pq é por ela.

E quando eu penso que vou explodir… que o cansaço atingiu o ápice, que o estresse chegou no ponto maximo, eu ganho um sorriso banguelo que acaba com tudo e recarrega a bateria pra que tudo seja feito de novo e de novo co o maior prazer…

Ser mãe é realmente padecer no paraiso. Dormir quando ela dorme, mesmo sem sono pq se ela acordar ai já era, a amae noa dorme mais, comer enquanto ela dorme, tomar o melhor e mais relaxante banho de gato, pq banho demorado virou luxooooooooooo aqui viu.

Ser mãe é amar, amar mais a cada dia, a cada sorriso… e quando vc acha que ama mais do que tudo, vc consegue amar mais ainda, Nao tem limites, nao tem nada que mude… eu aprendi que amor de mae é o maior amor que existe.
=)

E quer saber de uma coisa? Eu acho que ainda tem muito pra aprender, pra viver…


Sobre o Autor

Geisa Simonini

Uma escorpiana geniosa, brava e determinada. Estudei Administração e Marketing e sempre atuei na área comercial e de eventos. Tenho uma cabecinha cheia de idéias e adoro trabalhar com pessoas, afinal para mim, tudo que a vazio de pessoas não faz muito sentido. Sou doidinha por redes sociais e ligada 24 horas por dia, sabe aquela pessoa que não pára? Essa sou eu!
Mas se for para me resumir mesmo: Sou a mãe da Fernanda (e da Camille que ainda está no forninho) e da função de mãe nasceu esse blog onde compartilho com vocês nossas histórias, dia-a-dia e aprendizados

Publicidade

Parceiros

Siga-nos no Instagram

Voltar ao topo